Desafio do Talaveira #3: Conheça a Paolla Rubia

Fonte: Instagram



Provavelmente você já sabe o que é o Desafio do Talaveira, espero. Caso não saiba, expliquei tudo aqui. E uma das propostas do Desafio - além de acompanhar meu processo de reeducação alimentar - é convidar gente legal que já segue algum programa de alimentação saudável ou pessoas que tiveram resultados positivos em processos de reeducação para contar aqui sua experiência.

Fonte: Instagram
Pra abrir essa série convidei uma amiga querida e linda que conheço pessoalmente há um tempo, e que resolveu cuidar melhor da própria saúde. A Paolla Rúbia mora em São Paulo e sempre teve vontade de viver a mesma experiência de outras pessoas que transformaram o corpo e, como consequência, a mente. Saindo de um divórcio, tudo o que ela precisava era algo para se envolver. E encontrou nos treinos regulares sua "terapia" como ela mesma sempre diz. E essa terapia é diária, com treinos que duram entre 1:40h e 2h.

"Eu mesma criei minha dieta", diz ela. A programação de alimentação inclui o básico que todos sabemos ser o certo, mas nunca fazemos: muita água, pouco carboidrato, muita proteína, pouquíssimo sal, nada de açúcar, tudo isso distribuído ao longo do dia, com refeições a cada três horas.

Como fazer para manter essa dieta fora de casa? "Faço marmitas e carrego tudo o que vou comer durante o dia, assim fica mais fácil", é o segredo.

E como fazer com a vontade de comer "porcarias"? "Não passo vontade, mas procuro ser forte. Você precisa abrir mão do 'lixo' e encontrar coisas saudáveis e gostosas'".

O resultado disso veio em forma de um corpo invejável mesmo sendo mãe de dois adolescentes. Mas, muito mais do que o resultado físico, o resultado mental e a satisfação por ver o resultado dos esforços são o que motivam Paolla a não parar. Jovem, bonita e cheia de força, ela agora não quer saber de outro estilo de vida.

A Paolla é fonte de inspiração pra quem, como eu, está tentando mudar de hábitos. Valeu por participar!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade para comentar, acrescentar ou discordar de algo. Mas lembre-se que que escrevo aqui reflete apenas a MINHA opinião, e essa opinião pode nem sempre ser a mais ideal.

Caso tenha dificuldade de escrever por aqui (o Blogger sempre gosta de dificultar as coisas) envie email para weslleytalaveira@blognovasideias.com