Ray Schneider | BloGirl #11


Ray Schneider. Fonte: Instagram


Por Wesley Talaveira


Algumas garotas existem para causar confusão na cabeça das pessoas. Ao vê-las, você não sabe se as admira com o olhar feroz de desejo da masculinidade efervescente quando entra em contato com o que há de mais sensual no universo feminino, ou se ativa seu sentimento de proteção e cuidado quando descobre perto de si a delicadeza e singeleza da menina pura e doce que só quer se sentir bem. 

Ela é assim. Mulher e menina. Sensual e doce. Gostosa e meiga. Poderosa e cândida. Ela reúne em si duas personalidades ao mesmo tempo tão distintas e também intrincadas em si. Ao vê-la, é possível sentir desejo e pureza. Ela desperta tesão e cuidado. Na dúvida, só resta a nós, meros mortais confusos com tamanha grandeza, admirá-la da forma mais poética possível, pois ela é uma poesia em si mesma, a poesia simples e bela que admira o que há de mais humano numa mulher. 

Ela é muito mulher. Ray Schneider, o mundo é seu, tome posse dele. 




















 





























Todas as imagens acima foram retiradas do perfil de Ray Schneider no Instagram, com autorização da mesma. 


***


Veja aqui os outros posts da série Para Falar Dela. Gostaria de ser homenageada com um post da série? Envie e-mail para contato@quemfoiquedisse.com A/C Larissa Oliveira com link para seu perfil do Instagram. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade para comentar, acrescentar ou discordar de algo. Mas lembre-se que que escrevo aqui reflete apenas a MINHA opinião, e essa opinião pode nem sempre ser a mais ideal.

Caso tenha dificuldade de escrever por aqui (o Blogger sempre gosta de dificultar as coisas) envie email para weslleytalaveira@blognovasideias.com