Postagens

Mostrando postagens de 2015

Trinta Vezes Três

Imagem
Não é fácil chegar aos trinta anos. Cheguei a eles ontem, dia 15 de agosto, mas ainda não acostumei com a ideia. Vai levar uns dias pra aceitar que saí da casa dos vinte. 
Acho que é por isso mesmo que chegar aos trinta é difícil. Não sou mais o “garoto com um futuro todo pela frente”. Já cheguei nesse futuro que me falavam há dez anos atrás. Espera-se de um cara com trinta anos que, se já não tem algo bem sucedido na vida, que tenha pelo menos um bom projeto engatilhado. E não tenho nem um nem outro. Ainda estou na fase de descobrir o que quero da vida. Mas será que algum dia a gente descobre exatamente? 
As vezes esqueço a idade que tenho. Penso que ainda sou o adolescente de 17 anos – e as vezes me comporto com um. Aliás, alguns dos melhores amigos que tenho tem menos de 20 anos. As vezes, pra minha alegria, alguns deles falam “meu, eu pensei que você tivesse tipo, minha idade, sei lá!”. Quem dera! 
Agora, olho para minha vida e faço aqueles questionamentos que a gente faz quando …

Ninguém quis Myanmar

Imagem
E Roberto, que reclamava de nunca ganhar nada na vida, ganhou um prêmio inusitado de uma revista da qual era assinante: uma viagem de uma semana, com tudo pago e com direito a um acompanhante para Myanmar. Roberto quis comemorar, mas uma pergunta veio quase automaticamente em sua cabeça no momento em que viu o resultado do prêmio:
Onde fica Myanmar?
Myanmar é um pequeno e desconhecido país asiático, mas com vizinhos poderosos. É cercado por ninguém menos que a poderosa China. Com pouco mais de 52 milhões de habitantes e considerado um país com baixa população demográfica se comparados a outros países asiáticos, Myanmar tem uma bela história de luta por liberdade. Independente do Reino Unido desde 1948, Myanmar é um dos principais países budistas do mundo, tendo em seus domínios monumentos históricos da religião.  
Apesar de não estar entre os principais destinos turísticos, Myanmar tem muito a oferecer: o Pagode Shwedagon, o primeiro local sagrado budista de Myanmar, foi construído em…

Eu, Psoríase

Imagem
Existem coisas que surgem em nossa vida contra as quais devemos lutar até o fim, sem perder a motivação nunca. Pergunte a uma pessoa com câncer se isso não é verdade. Sim, certas coisas, por mais complexas e difíceis que sejam, devem ser combatidas com toda força, ânimo e disposição possíveis. Nessas horas encontramos apoio onde menos esperamos e, lutando dia após dia, vencemos. 
Mas certas coisas que vem sobre nós dispensam qualquer luta. É isso mesmo, há coisas em nossa vida contra as quais é inútil lutar. São coisas que não te destroem por completo, mas que também não te abandonam. Ficam ali, pra sempre. A unica coisa que resta é aceitar e conviver com aquilo. Reaprender a fazer coisas, sob uma outra ótica, tendo como companhia, como peso na bagagem, algo que irá nos acompanhar. Pelo resto da vida. 
Há dez anos iniciei um tratamento de pele para umas lesões bastante estranhas que me incomodavam. Não coçavam, não ardiam, mas escamavam e davam uma aparência estranha. Após vários rem…

Ensaio da vida

Imagem
Vamos começar o ensaio, pessoal. Antes prestem atenção nas orientações:
A peça que vamos representar vai mostrar um mundo perfeito, onde tudo na vida dá certo, OK? Essa peça vai mostrar pessoas bem sucedidas. Vamos mostrar que a sorte está do lado de todas as pessoas, e que o talento é a única coisa a se levar em conta na hora do sucesso. Ah, tem que mostrar também que o dinheiro não é necessário, viu, gente? Vamos mostrar todo mundo com contas bancárias recheadas mas dizendo que dinheiro não é importante e não trás felicidade. Alguns de vocês vão falar bem dos pobres. Vão dizer que o Brasil precisa ajudar os mais necessitados, que tem gente morrendo de fome, mas depois que vocês falarem isso vocês viram as costas e saem do cenário, tá?
Todos vocês serão pessoas felizes e contentes com tudo. Temos que mostrar gente sempre cantando, dançando muito e bebendo até cair. Isso mostra que está tudo bem.
Na nossa peça não haverá pessoas decepcionadas, nem gente frustrada.
Nessa peça que vamo…

Sobreviver em Tempos de Guerra

Imagem
Todos nós temos nosso tempo de guerra. Não a guerra propriamente dita, com armas, mortes, prisões, tumulto, mas uma guerra silenciosa, imperceptível aos olhos dos outros, que acontece no maior campo de batalha do mundo: nosso psicológico. Todos nós travamos batalhas internas intensas, sangrentas mas sem sangue, contra nosso maior inimigo: nós mesmos. Ou talvez não. Nosso maior inimigo não somos nós mesmos. Nosso psicológico, sim, é nosso maior inimigo, às vezes mortal. O psiquê, nosso interior, é um campo de batalha que pode ser comparado aos maiores palcos de guerra já vistos na história da humanidade. E arriscaria dizer que nossas guerras internas são ainda mais crueis do que as grandes guerras mundiais, pois se essas chamam a atenção do mundo, que faz de um tudo para encerrá-las, nossas batalhas psicológicas são imperceptíveis aos outros, que nem sempre as entendem quando resolvemos falar o que se passa conosco. Todos nós alternamos na vida momentos de paz e momentos de guerra E n…