Vale a pena morar em SP?

Eu gosto de SP. Gosto da diversidade cultural da cidade, da forma como todos são bem recebidos por aqui. São Paulo é a capital de fato do Brasil, ou pelo menos a capital financeira, que carrega o país nas costas, onde as coisas realmente acontecem. Por mais que tenham coisas boas acontecendo pelo Brasil, para sair do ostracismo é fundamental estar em São Paulo, mesmo que muitos, por pura hipocrisia, neguem isso. Se São Paulo não existisse tenho certeza que todo esse desenvolvimento econômico do Brasil não teria acontecido. Se a Amazônia é o pulmão do Brasil, São Paulo é o coração. São Paulo tem de tudo, e quando digo 'tudo' é TUDO MESMO. Em São Paulo se vê italiano dançando forró, pernambucano em restaurante de comida japonesa, gaúcho comendo hot dog na rua e libanês se acabando num acarajé. E isso é maravilhoso! São Paulo é a cidade com mais nordestinos fora do nordeste, gente que veio tentar a vida aqui e ajudou a fazer de SP o que ela é hoje. É também a cidade com a maior colônia japonesa fora do Japão. Tem gente de todo tipo e procedência por aqui. Pra perceber isso é só andar pelo centro ou na Avenida Paulista. SP tem gente bonita e legal, tem eventos bons e baratos ou até de graça- tem muita coisa boa de graça por aqui. SP é a capital do bom gosto, das boas peças de teatro, do cinema 'cult', das festas populares, da galeria do rock, além de ser a terra do grande Adoniran.

Mas ando decepcionado com essa cidade. Ultimamente venho colocando os 'prós' e 'contras' de morar em SP. E tenho muito mais 'contras' do que 'prós'. São Paulo é hoje uma cidade abandonada por um prefeito medíocre que usou a capital como trampolim político pra ganhar cacife e montar seu próprio partido e mamar nas tetas do Governo federal. A impressão que se tem andando por SP é que a cidade está sem administração. Ruas sujas, calçadas quebradas, vias escuras, transporte público que mais parece um lixo, e outras coisas mais - que falta o Andrea Matarazzo faz na secretaria de subprefeituras... E a segurança? Por onde se anda o medo de ser assaltado atrapalha qualquer diversão. Você não pode ouvir música no seu celular na rua (com fone...) que corre o risco de um filho da puta passar correndo e levar seu celular. Você nunca sabe quando será sua vez de ser assaltado e ter uma arma apontada na cabeça, enquanto o desgraçado toma seu dinheiro e sua mochila e te manda calar a boca. Andar em SP é se expor ao perigo. De que adianta ter várias opções de bom teatro em SP se eu não sei se chego vivo em casa depois da peça?

Como se não bastasse o perigo dos bandidos, ainda há o perigo de gentinha violenta que arruma briga em ônibus por causa de um assento, que quebra porta de ônibus, dá porrada em motorista e empurra velhos em escada rolante de metrô. De uns tempos pra cá o paulistano tem mostrado uma selvageria que não se via antigamente. As periferias de São Paulo estão lotadas de pessoas que mais parecem animais indomados, que lotam os ônibus e trens todo dia e fazem do transporte público algo impensável. Mas, apesar de a periferia de SP ser um lugar de loucos e selvagens, ela não é exclusiva nos 'contras' de SP. É só olhar o que os mauricinhos skinheads e punks andam fazendo nas boates caras de SP. Ou nas universidades caras de SP, que estão lotadas de filhinhos de papai que matam pra conseguir um cigarro de maconha. Ou ainda os motoristas de carrões importados matando gente inocente na rua.

E ser torcedor de algum time de futebol em SP? Torcer em SP é pedir pra morrer. Os estádios estão lotados de gladiadores sedentos de uma carne humana para despedaçar. Basta que essa carne humana esteja vestida com uma camisa de um time que não seja o dele. E nesse quesito não há santinho: todas as torcidas estão cheias de marmanjos trogloditas que pensam que ser torcedor é disputar no braço quem torce pelo melhor time. Penso como deve ser a vida da namorada de uns sujeitos desses (apesar que eu descobri que mulher gosta mesmo é de troglodita... Outro dia falo sobre isso).

Alguns vão dizer: não olhe por esse lado, pois SP tem muita coisa boa. Sim, eu sei e é exatamente isso que estou dizendo aqui. SP é um lugar fantástico e disso não tenho dúvida, mas se colocarmos na balança SP tem mais coisas ruins que boas pra apresentar. A começar pela classe política dessa cidade que está apodrecida. E ainda pode piorar: temos o risco de ver a Marta Suplicy voltar à prefeitura... SP ainda não chegou ao nível do RJ, onde você pode ser premiado a qualquer hora com uma bala perdida ou com um trombadinha gritando "perdeu, perdeu" no seu ouvido. Mas tá quase lá.

Por isso penso seriamente em sair daqui. Não tenho exatamente nada nem ninguém que me segure nessa cidade, ou seja, não tenho nada a perder. Uma possível mudança seria como as vezes em que o Chaves vai embora da vila: é só eu juntar meus trapinhos e ir. Tenho idade o suficiente pra caçar meu rumo e fazer minha vida em outro lugar. A única coisa que me segura aqui é minha igreja, que não tem filiais em outras cidades do interior além de São José dos Campos.

Vamos ver que rumo vou dar à minha vida.

8 comentários:

  1. morei em Sp na Vila Mariana !Sou de Fortaleza !
    Enfim, vi muita gente ganhando péssimo meninas bonitas inteligentes estudando trabalhando ganhando merreca e passando fome , sem lazer nem nada ! O lazer gratuito como parques , eram interrompidos pelas "garoas" chuvas mau tempo ...
    Achei as pessoas tristes deprimidas ....
    Mas gosto de Sp, mas so moraria lá outra vez com alguém do Nordeste junto pra passar a vibe senão entro na depre dos paulistanos ...
    Ah e bem q a avenida paulista poderia ser a avenida "Beira Mar " ai ia ser muito bom !!!
    Vi muito sub emprego, vi gente super qualificada ganhando muito pouco , muita gente vivendo de aparência , de aluguel e jantando nos jardins tomando vinho caro e no outro dia sem almoço... muita falsa aparencia foi o q me chamou muita atenção! Ah no Nordeste recebemos bem , comemos muito bem , e servimos nossas visitas em sp mal agua se serve e qnd se divide ap , caso vc precise beber um copo de suco da outra tem q repor ai q tristeeee rs mas entendo q elas precisam não podem não têm grana coitadas ! Voltei pra terrinha aqui sou solteira jovem tenho ap próprio aos 26 anos carro próprio quitadooooo do ano e ganho 8 mil mensais ! Em Sp não via essa possibilidade , la so serve pra quem tem muitaaaaaaaaaaaaaaa grana ou pra quem vive na miséria pra classe media acho horrível !!!!

    ResponderExcluir
  2. Olha, eu sou paulistana, moro fora e concordo com praticamente tudo que foi dito acima. Acho São Paulo linda mas falta realmente uma política social que a retorne a primeira cidade do País. Hoje a insegurança, a pobreza e a marginalidade tomaram conta e a polícia esta perdendo, infelizmente. Torço por São Paulo e por seus habitantes, mas tá difícil...

    ResponderExcluir
  3. Odeio essa cidade sempre morei aqui, mas o que mais incomoda eh viver sem segurança e um transporte público que envergonha... quanto a periferia tenho do das pessoas que são obrigadas a viver nesse mar de monstros um engolindo o outro, mas claro não são todos animais e sim vivem com a maoiria que gosta de viver como tal... tenho do de quem não pode fugir dessa cidade!

    ResponderExcluir
  4. sou de poços de caldas e estou prestes em ir morar rm sp,mais tenho medo por tudo que foi dito acima,nao sei o que faço,pois estou saindo de uma cidade linda pra mr enfiar num inferno pra tentar ganhar a vida ! me ajuudem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido.. eu moro em SP, mas estou voltando pra minha cidade. durante o tempo que morei aqui, aprendi MUITO. Mas hoje meu coração pede sossego e família. São Paulo é uma selva de pedras, se vc vier, venha preparado pra TUDO ou será engolido. Moradia, alimentação, lazer... Ou você vem com ótimas condições de se manter, ou nem venha. Aqui o buraco é mais embaixo. é tudo muito difícil, infelizmente. É linda, cheia de cultura, mas de que adianta a cidade ser linda e cheia de cultura se a insegurança bate na tua porta? Pense bem. aqui vc é sozinho, pois é cada um por si. Ninguem te ajuda. NINGUÉM. Poços é linda, calma, tranquila. Acho que vc nao deveria trocar sua cidade por SP.

      Excluir
  5. Mesma situação da pessoa acima é a minha, estou de passagem comprada já. Vi que em minha área de atuação em SP, quem tem experiência e estudo ganham razoavelmente bem.
    Só que estou com receio por tudo que vi e li acima. Dúvida Cruel.

    ResponderExcluir
  6. Sou de SP, aos 26, cansado de SP vim morar em Poços de Caldas - MG como o colega acima.
    Conhecia poços de visitas e feriados, a família da minha esposa é daqui.
    Vendi meu apto, larguei meu emprego numa multinacional e vim trabalhar numa empresa local, ganhando menos da metade do meu salário. Estava cego pelo estres inerente a vida de uma cidade como SP e mergulhei de cabeça nessa vida do interior. Tirando os 6 primeiros meses, não se passa uma noite que não penso em voltar. Tenho um emprego estagnado (5 anos fazendo a mesma coisa), as pessoas estão sempre mais lentas do que eu. E mais uma coisa, a que mais me irrita, o apartheid social aqui é claro, claro como em uma cidade do século 19. Não há oportunidades para quem não tem influência, na empresa que trabalho só se contrata gente por indicação. Minha esposa fez uma entrevista de emprego onde foi questionada qual paroquia frequentava. Poços de Caldas é uma cidade linda, porém está não a 260 km mas há anos luz de São Paulo. Agora a pergunta por que eu não volto? Pq não consigo vender minha casa aqui!
    Amigos esse é meu mais sincero relato, vc paulistano que o xinga congestionamento, vc pode até conseguir sair de SP mas SP não vai sair de dentro de você! Se estou errado não sei, a unica certeza que tenho é que nunca deveria ter saído da minha cidade, nada contra Poços, apenas não sou daqui...

    ResponderExcluir
  7. Sou carioca e moro em SP a dois anos, sao paulo é ótimo pra se trabalhar, fui muito bem recebido, porém a relação das pessoas se restringe ao ambiente corporativo, sinto que as pessoas de SP vivem em seu mundo e não abrem brechas para novas pessoas, não existe aquela coisa que gostar de gente de querer junto, vejo uma cultura onde querem deixar bem claro as diferenças de classes, o ter pra quem está sp é infinitamente mais importante do que o ser. Crioulo cantou que não existe amor em SP e vejo que isso é verdade, as relações são superficiais demais. Sinto falta do jeito de ser do povo carioca, do calor humano. Sampa é a principal capital do Brasil perdendo apenas na area do turismo e na parte histórica. Estou por aqui ate aguentar ou enjoar.

    ResponderExcluir

Fique à vontade para comentar, acrescentar ou discordar de algo. Mas lembre-se que que escrevo aqui reflete apenas a MINHA opinião, e essa opinião pode nem sempre ser a mais ideal.

Caso tenha dificuldade de escrever por aqui (o Blogger sempre gosta de dificultar as coisas) envie email para weslleytalaveira@blognovasideias.com