Férias na Siberia

Estou tirando umas "férias virtuais".

Não, não vou deixar de escrever nos blogs onde escrevo. Pelo contrário: tenho vivido momentos de inspiração pra escrever, o que é algo raro o.O Vou apenas me ausentar por uns dias de algumas redes sociais. Ah, e minha "ausência" nada tem a ver com qualquer vício em internet, como alguns poderiam pensar. Não sou um viciado em internet querendo se "desintoxicar". Sei os limites, o que devo e não devo fazer na net, a hora de parar e ir dormir e etc, mas sinto que preciso ficar um pouco longe do mundo virtual pra organizar um pouco as ideias. Usar menos o Twitter, pra ser poupado de ver certos comentários fúteis serem  tratados como "legal". Me importar menos se eu passar dias sem receber um scrap no Orkut, ou se pouca gente curte o que posto no Facebook.

Não sei com vocês, mas conforme passo muito tempo interagindo com pessoas on line, me sinto tentado a confundir esses dois mundos: real e virtual. Acabo dando ao virtual uma importância que ele não tem, e tirando do real a importância que ele tem. Entro no mundo on line achando que encontrarei as bases necessárias pra sobrevivência, mas descubro que isso é imposível so depois que procuro chão para pisar e não encontro. É, eu descobri que a linha que separa on e off é tênue. Não é nada fácil saber onde termina o virtual e começa o real. Vez por outra sou tentado a ultrapassar esses limites, e o resultado nunca é bom.

Por isso pretendo ficar um pouco por fora da vida on e viver um pouco mais da vida off. Tá, minha vida off não tem nada de interessante que me faça a preferir, muito pelo contrário, mas é necessário que eu lembre que há uma vida além da tela do note. Então decidi fazer arrumar minhas malas e passar um tempo na Siberia. Ter um tempo pra colocar o "tico e o teco" em ordem. Saber quem eu sou e o que eu realmente quero de mim e do meu futuro.

Se tenho amigos na internet? Sim, muitos, diria que até mais do que na vida real, e alguns deles são grandes amigos mesmo. Gente querida que me faz bem, mesmo sem eu sequer ter visto pessoalmente - alguns eu duvido até que existam, de fato. "E você vai ignorar esses amigos e sumir da internet?" Não, pelo contrário. É em nome da amizade e do respeito que tenho por eles que vou ficar ausente por um tempo. Primeiro pra saber se minha amizade é correspondida, bem no estilo "vou sumir pra ver se sentem minha falta". Até imagino o resultado, mas... Além disso, preciso ter dentro de mim uma definição clara do que cada um deles representa pra mim. Pra isso, só mesmo ficando longe por um tempo.

Não é a primeira vez que vou fazer isso. Já tive outras férias dessas, e os resultados sempre foram bons. Gosto de ficar "oficialmente ausente" quando sinto que minha cabeça começa a confundir os dois mundos. Então, aos pouquíssimos que vão ler isso e realmente se importar com minha ausência, digo: volto logo. Aos demais: qualquer hora a gente se encontra pelo Twitter.

Abraços,

Wesley

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade para comentar, acrescentar ou discordar de algo. Mas lembre-se que que escrevo aqui reflete apenas a MINHA opinião, e essa opinião pode nem sempre ser a mais ideal.

Caso tenha dificuldade de escrever por aqui (o Blogger sempre gosta de dificultar as coisas) envie email para weslleytalaveira@blognovasideias.com