1 ano de Blog do Talaveira


Hoje faz exatamente um ano que este blog está no ar. Depois de várias tentativas de ter um espaço pessoal, onde eu pudesse escrever sobre mim e minha visão de mundo (cheguei a ter um blog num servidor português, o Sapo.Pt), no dia 08 de janeiro de 2010 consegui finalizar a ideia e coloquei no ar o Blog do Talaveira. Aqui reuni textos que eu já tinha escrito em outros blogs, além dos que eram mais pessoais e que estavam no Blog Novas Ideias, que havia sido reposicionado. Apartir disso, passei a escrever novos textos, refletindo um pouco meu lado introspectivo e reflexivo; passei a escrever microcontos, além de contar um pouco da minha vida pessoal.

Durante esse 1 ano aconteceram algumas coisas legais por aqui: fiz uma campanha apoiando a Jhenny Andrade @jhennyandrade no concurso das 100+ Sexy da VIP (e ela mesma divulgou a campanha do blog), apoiei aqui o tratamento da pequena Laura, menina paranaense de 8 anos que precisava urgentemente de um transplante de coração (infelizmente o transplante não veio a tempo: ao ser transferida pra SP pra fazer um tratamento mais intensivo ela veio a falecer); recebi algumas visitas de gente legal no Blog, como da Mona Dorf, do vereador Gilberto Natalini e do pessoal da Revista VIP. Mas, mais que tudo isso, consegui fazer desse blog meu espaço. Um quartinho onde posso me sentar e refletir sobre a vida, essa tão confusa mistura de momentos bons e ruins que faz de cada um de nós uma pessoa única.

Jhenny Andrade e Mona Dorf

Como eu digo numa das páginas do blog, sei que não terei aqui tantas visitas como nos outros blogs onde escrevo, tanto porque um blog pessoal não é tao atrativo. Mas aos poucos que me leem, espero poder ser claro, não o suficiente para ser entendido, já que nem u emesmo me entendo, mas para que você possa se identificar com algo do que escrevo aqui. Se pelo menos um dos textos que estão aqui fizerem alguma diferença na sua vida, já ficarei muito satisfeito.

Repito aqui o poema de Alvaro de Campos - heterônimo de Fernando Pessoa, que citei no primeiro post desse blog:
"Sou um técnico, mas tenho técnica só dentro da técnica.
Fora disso sou doido com todo o direito a sê-lo.
Com todo o direito a sê-lo, ouviram?"

Abraço,

Weslley

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade para comentar, acrescentar ou discordar de algo. Mas lembre-se que que escrevo aqui reflete apenas a MINHA opinião, e essa opinião pode nem sempre ser a mais ideal.

Caso tenha dificuldade de escrever por aqui (o Blogger sempre gosta de dificultar as coisas) envie email para weslleytalaveira@blognovasideias.com