O Jardineiro Fiel


Depois de mais de cinco anos de lançado, ontem eu assisti O Jardineiro Fiel, super produção do brasileiro Fernando Meireles, com Ralph Fiennes e Rachel Weisz. É, eu geralmente faço isso: vejo filmes depois que ninguém mais fala nele... Definitivamente não sou cinéfilo! haha

Mas me impressionei com o que vi. A história com certeza você já deve conhecer: uma ativista inglesa, Tessa, é assassinada brutalmente e um dos suspeitos é o sócio do marido de Tessa, Sandy. O marido, Justin, que depois da morte da esposa acha que havia sido traído por ela, começa uma investigação que acaba de uma forma que ele não imaginava: a esposa, na verdade, investigava uma verdadeira máfia da indústria farmacêutica mundial, que usava inescrupulosamente os miseráveis quenianos como cobaias de um medicamento poderoso contra a tuberculose. Aos poucos Justin descobre que a morte da esposa tem ligação com essa máfia, que começa a perseguir o marido.

O filme, além de denunciar a guerra desenfreada da indústria farmacêutica no mundo, através de empresas fictícias, mostra até onde o amor de um marido pela esposa é capaz de ir. O Jardineiro Fiel nos leva a refletir sobre qual preço estamos dispostos a pagar por uma causa. Além de tudo, dá uma pontinha de orgulho em saber que um filme tão premiado como O Jardineiro Fiel foi dirigido por um brasileiro.

Se por um acaso você esteja tão desatualizado como eu e ainda não vi o filme, recomendo.

Bái!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade para comentar, acrescentar ou discordar de algo. Mas lembre-se que que escrevo aqui reflete apenas a MINHA opinião, e essa opinião pode nem sempre ser a mais ideal.

Caso tenha dificuldade de escrever por aqui (o Blogger sempre gosta de dificultar as coisas) envie email para weslleytalaveira@blognovasideias.com